Deep Blue


Deixe um comentário

Uma pequena reflexão sobre o primeiro trimestre de 2012

É incrível como acontecimentos na nossa vida nos fazem abandonar quase que totalmente quem éramos e nos impulsiona a uma reforma íntima intensa. O primeiro trimestre está quase no fim, e eu comecei o ano de 2012 sem a menor ideia do que viria pela frente. Quanto aprendizado… A transição foi muito difícil, mas voltar atrás e retomar os valores aos quais antes eu dava tanta importância e hoje perderam todo o sentido, é quase impossível. A vida me deu uma porrada e de uma forma muito estranha, eu preciso agradecer. Obrigada, Jah. Ainda tenho muito o que aprender. Aliás, eu mal comecei e o caminho é muito longo. Mas a porta foi aberta e isso é o que importa.

Anúncios